A Relevância Do Marketing Atualmente

20 Apr 2019 09:28
Tags

Back to list of posts

<h1>Ideias Inovadoras No Exterior Pra Abrir Seu Neg&oacute;cio</h1>

<p>Renato Degiovani (57) fez o primeiro game quando tinha 25 anos, em meados de 1981, no Brasil. Conhe&ccedil;a Os 7 Que Mais Importam pioneiros de nossa crescente ind&uacute;stria, ele poderia ter sa&iacute;do de nosso na&ccedil;&atilde;o. “Eu sou brasileiro e tenho orgulho disso. Marketing Habitual E Marketing Digital , mesmo podendo, n&atilde;o tenho interesse em ter cidadania italiana, alem&atilde; ou espanhola para viver fora. N&atilde;o preciso disso para me definir como pessoa”, explica ele, que &eacute; de Orl&acirc;ndia, S&atilde;o Paulo.</p>

<p>Pela opini&atilde;o do desenvolvedor, h&aacute; uma onda em fazer jogos somente em ingl&ecirc;s e isso &eacute; um erro. A coluna Gera&ccedil;&atilde;o Gamer dialogou com Degiovani, que tem uma carreira de 33 anos dedicada aos jogos digitais de nosso povo. O brasileiro se formou em Desenho Industrial e Intercomunica&ccedil;&atilde;o Visual pela PUC-Rio em 81. N&atilde;o foi um talento precoce nos videogames e nem se define como uma pessoa que joga muito, mas tem uma veia empreendedora. “Embora ainda fosse ‘novato’ na produ&ccedil;&atilde;o de software, neste momento era empres&aacute;rio e tinha experi&ecirc;ncia com este lado dos neg&oacute;cios, concebendo e produzindo produtos.</p>

<p>“Eu comecei a fazer jogos como o mundo inteiro come&ccedil;a: meio sem saber o que e como fazer, pela base da tentativa e do erro. Sendo assim que percebi que meus jogos despertavam interesse dos amigos, sendo que a maioria sequer tinha visto um pc, passei a olh&aacute;-los como um artefato que poderia ser comercializado em bancas de jornais.</p>

social-media-icons.jpg

<ul>

<li>Nerd Seller - Rafael Cruz (NerdRico)</li>

<li>Taxa de convers&atilde;o de vendas</li>

<li>Secretaria de Estado da Educa&ccedil;&atilde;o da Bahia</li>

<li>Vender fotografias de particularidade</li>

</ul>

<p>E foi assim sendo que planejei e gerei o Aventuras na Selva, que ficou Amaz&ocirc;nia, e o Aeroporto 83″, diz Degiovani, a respeito seus primeiros jogos. “Naquela &eacute;poca, come&ccedil;o dos anos 80, n&atilde;o existia nada pra computador. Nem software, nem jogo, nem livro e nem ao menos revista. A revista Micro Sistemas s&oacute; foi lan&ccedil;ada em outubro de oitenta e um e os livros, fora os importados, existiam somente um ou outro a respeito de linguagem Basic.</p>

<p>A sa&iacute;da pros usu&aacute;rios era mesmo as revistas que traziam listagens de programas”. O interesse de Degiovani come&ccedil;ou antes, em meados de 1979, no momento em que decidiu obter um clone do pc Sinclair ZX80, o NE-Z80, vendido pela revista Nova Eletr&ocirc;nica. Foi desta forma que ele entendeu a programar e fez seu primeiro jogo. “O Aventuras na Selva, que ficou Amaz&ocirc;nia, fez o sucesso que fez por tr&ecirc;s motivos: era um paradigma de jogo in&eacute;dito, porque o tipo adventure ainda era pouco popular aqui.</p>

<p>Estava em portugu&ecirc;s com um tema brasileiro e era um game intrigante, penoso de ser resolvido. A despeito de Se Utilize O Termo &quot;ag&ecirc;ncia&quot; n&atilde;o era uma coisa vista com periodicidade, nem sequer nos jogos vendidos em fita cassete e muito menos em jogos publicados em livros e revistas. 5 Sugest&otilde;es Como Montar Um Web site De Cursos Online E Receber $$$ numa edi&ccedil;&atilde;o da revista Micro Sistemas e foi uma das poucas que esgotou mesmo, de n&atilde;o ser poss&iacute;vel conseguir nenhum exemplar neste momento naquela &eacute;poca”, adiciona o pioneiro.</p>

<p>O jogo foi desenvolvido para o MSX, pc que abrigou jogos como Metal Gear (1987), de Hideo Kojima. Diz Renato Degiovani: “Nunca joguei Metal Gear e, no MSX, meus jogos preferidos eram Road Fighter e Nigthmare, e tamb&eacute;m Bomberman. Usei o MSX bem mais pelos programas utilit&aacute;rios que eu elaborei nele, como Graphos III, Zapper, Topline, Scanner, Graphos Pro e Desk tr&ecirc;s do que propriamente pelos jogos. Nele eu fiz Amaz&ocirc;nia, Serra Pelada, Angra I - demo e minha participa&ccedil;&atilde;o no Lenda da G&aacute;vea”.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License